fbpx

AAI: número de profissionais credenciados triplicou em quatro anos

Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print
AAI
Foto: Pexels

A cada dia que passa, mais brasileiros estão entrando no mundo dos investimentos. Motivados pela conjuntura atual, economicamente conturbada e pandêmica, o foco de muitos está em se preparar para imprevistos e ter um futuro mais seguro e confortável.

Consequentemente, a demanda por profissionais habilitados a lidar com o mercado de investimentos também aumentou. Sendo assim, os Agentes Autônomos de Investimentos (AAI), que são os responsáveis por tirar dúvidas e proporcionar mais segurança aos investidores, começaram a conquistar, finalmente, grande espaço por todo o Brasil.

De acordo com o Anuário de 2021 da Associação Nacional das Corretoras de Valores (Ancord), existe um número superior a 17 mil AAIs atuantes em território nacional. Vale ressaltar que esse número é o triplo se comparado há quatro anos, quando o total era de 5,5 mil profissionais.

Em 2021, no período de janeiro a dezembro, houve mais de 6 mil novos AAIs habilitados (com certificação), um aumento de 33,3% comparado ao ano anterior (2020). Lembrando que a certificação é adquirida por meio de um exame elaborado pela Ancord.

Além disso, essa instituição também fica responsável por colocar em prática o Programa de Educação Continuada e Renovação do Credenciamento dos Agentes Autônomos de Investimento, que funciona como um conteúdo importante para a manutenção do registro de AAI.

Todos os profissionais atuam afiliados a uma corretora, sendo a grande maioria associado à XP. Em entrevista para o Broadcast, o presidente da Associação Brasileira dos Agentes Autônomos de Investimentos (ABAAI), Diego Ramiro, informou que, atualmente, há mais de mil empresas orientando os profissionais da área como um todo.

Expectativas para 2022

Por conta das mudanças relevantes para a classe, a expectativa é de que em 2022 os Agentes Autônomos ganhem ainda mais destaque no mercado financeiro. Somado a isso, o Projeto de Lei 2081/21, que tramita na Câmara dos Deputados, defende que o profissional seja nomeado como Assessor de Investimento e não mais Agente Autônomo de Investimentos.

Para a ABAAI, a modificação na nomeação do AAI é encarada de maneira positiva, afinal, esses profissionais atuam como associados e a nova nomenclatura tornaria a atividade desempenhada por eles ainda mais clara.

O autor da proposta é o deputado Laercio Oliveira (PP/SE) e o objetivo é alterar a Lei 6.385/76 criada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM).

Mas as mudanças não param por aí. Outro ponto que está no radar para este ano é o fim da exclusividade contratual desses profissionais. Em outras palavras, será permitido que os mesmos trabalhem em mais de uma corretora.

Na visão de Diego Ramiro, a iniciativa tende a beneficiar os Agentes Autônomos com relação a abrangência de produtos e de investidores, e também aumentaria a concorrência.

AAI versus Educação Financeira

Não é segredo que investir demanda conhecimento prévio acompanhado de um suporte de profissionais especializados no assunto. Afinal, quando falamos sobre patrimônio, todo cuidado é pouco.

Portanto, a educação financeira é peça chave nesse processo inicial e os Agentes Autônomos são grandes aliados nisso. E o motivo é simples: nos últimos anos, esses profissionais têm como uma das suas principais funções trazer a educação financeira para a realidade do investidor.

Dessa forma, o AAI traz desde noções básicas sobre investimentos e finanças, até operações mais complexas para que o investidor tenha o máximo de confiança ao começar a alocar o seu patrimônio.

Investidores brasileiros na Bolsa de Valores

Quando a taxa básica de juros da economia brasileira, conhecida como Selic, apresentava um cenário de redução, o número de investidores interessados na Renda Variável cresceu significativamente.

De acordo com dados da B3, a quantidade de investidores Pessoa Física passou de pouco mais de 620 mil, em 2017, para mais de 4 milhões no ano passado (2021). Logo, houve um crescimento superior a 700% na quantidade de brasileiros investindo na Bolsa de Valores.

Como consequência, o número de profissionais credenciados pela Ancord em dezembro de 2021 subiu 209% comparado ao mesmo mês de 2017. Sendo assim, o volume de Agentes Autônomos passou de 5.514 para 17.056.

Na visão do Assessor de Investimentos da InvestSmart, Carlos Leão, o AAI é muito importante para o investidor alcançar bons resultados.

“Quando você está doente, o profissional especializado que procura é o médico. Quando precisa de ajuda com o Imposto de Renda, recorre a um contador. Você pode até fazer a declaração por conta própria, mas com ele a chance de errar é muito menor. A mesma coisa acontece nos investimentos, ou seja, o ideal é procurar alguém que entende do assunto, que é o Assessor de Investimentos.”, afirmou Leão.

Com informações da Agência Estado 

 

Veja mais:

Assessor de investimentos: o que é e como ele pode me ajudar a investir?

Quer saber mais sobre investimentos?

Você pode gostar
Quanto rende R$1 milhão na poupança?
Com a taxa básica de juros a 12,75% ao ano e a inflação nas alturas, entender quanto rende R$ 1 milhão...
Como a CVM pretende monitorar os influenciadores digitais de finanças
A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) acompanha o mercado, as tendências e o comportamento dos atores...
BlackRock: as 4 tendências que podem fazer o mercado de ETFs triplicar
A indústria global de ETFs (Exchange Traded Funds) está a caminho de triplicar de tamanho. Se há vinte...
Ensaio sobre a aleatoriedade
Um discurso sobre o comportamento do investidor através da literatura José Saramago se tornou um grande...
Navegue pelo site
Siga nas redes sociais
Cadastre-se na Newsletter

O portal www.aprendaainvestir.com.br é de propriedade BANKRIO FINANCIAL HOLDING LTDA (CNPJ/MF nº 33.935.936/0001-63). Apesar da empresa estar sob o controle comum, os executivos responsáveis tecnicamente são totalmente independentes, sendo que estes na função da execução de suas atividades não exercem nenhuma atividade conflitante. Desta forma, os conteúdos vinculados no site são de caráter exclusivamente informativo, não sofrendo, de qualquer aspecto, influência de decisões comerciais e de negócios de outras sociedades, sendo os mesmos produzidos de acordo com o juízo de valor e as convicções da equipe técnica. Ao preencher algum formulário, você aceita compartilhar os seus dados de contato com as empresas controladas pelo grupo.

© 2021 | Todos os direitos reservados