fbpx

Alavancagem: o que é e como funciona?

Índice do artigo
O que é alavancagem

Foto: Freepik

 

O ambiente da Bolsa de Valores é cheio de detalhes importantes que todo investidor, que faz parte ou tem interesse em aplicar seu capital, deve saber. Além disso, compreender o seu funcionamento é fundamental para atuar de maneira mais proveitosa. A alavancagem é uma técnica que, assim como os demais assuntos que englobam a bolsa, é interessante conhecer.

Pensando nisso, neste artigo, vamos explicar detalhadamente sobre a alavancagem. Confira!

 

O que é alavancagem?

Antes de mais nada, a fim de simplificar o entendimento desta prática, vamos à origem da palavra alavancagem. Ela deriva de alavanca, que é uma ferramenta cuja função está em erguer objetos aplicando uma força menor. Neste sentido, podemos entender como força a quantidade de capital aplicado.

Dessa forma, a técnica de alavancagem utilizada na Bolsa de Valores parte do mesmo princípio. Ou seja, o investimento usa um capital maior, mas os recursos aportados pelo investidor são menores.

Em outras palavras, o indivíduo que está operando usufrui de um capital superior ao que detém.

 

Veja um exemplo:

Imagine que um investidor tem R$2 mil para aplicar em ações. Ao contatar a corretora de valores, ele recebeu a informação da possibilidade de utilizar a técnica de alavancagem.

Na instituição financeira em questão, ele pode movimentar 6 vezes mais do que o valor inicial, R$12 mil (6×2). Nesse caso, o investidor estaria operando com um montante maior do que ele possui em conta. Como resultado, ele aumenta as suas chances de lucro na mesma proporção das perdas. Se houve um lucro de 1%, ele recebe R$120, caso tenha prejuízo de 1%, ele paga R$120.

O investidor que opta pela alavancagem precisa ter em mente a necessidade de ter uma margem de garantia. O que significa que o indivíduo deve ter as devidas condições de arcar com o pagamento das diferenças em casos de perdas.

 

Alavancagem financeira e operacional

Além das ações, a alavancagem também pode ser usada em outros investimentos de Renda Variável. Mercado futuro (contratos de dólar, índice e commodities), mercado a termo e opções são alguns outros exemplos de aplicações que permitem a técnica.
Além disso, ela também é encontrada no âmbito empresarial, por exemplo. A alavancagem financeira e a operacional são dois exemplos bem comuns.

  • Alavancagem financeira

É referente a alternativa que uma companhia tem de aumentar os seus lucros. Entretanto, as despesas financeiras não devem crescer de maneira proporcional aos ganhos, para que não os anule.

Então, a lógica funciona assim: ampliar lucros sem precisar aplicar mais capital na empresa.

  • Alavancagem operacional

É referente às vendas. Ou seja, a companhia tem como objetivo maximizar o número da saída dos bens e serviços. Tudo isso utilizando a captação de recursos para o lançamento de novos produtos, que podem ser por meio de financiamentos ou empréstimos.

Dessa forma, a finalidade aqui é alcançar lucros maiores que os juros da transação.

 

Qual o objetivo da alavancagem?

De modo geral, a função da técnica de alavancagem é maximizar os retornos. Ou seja, caso a oscilação do mercado seja positiva, o investidor tem a opção de usá-la a seu favor.
Em outras palavras, ela é uma possibilidade de dar uma “turbinada” nos rendimentos da carteira de investimentos do indivíduo.

 

Conclusão

A alavancagem funciona como uma espécie de endividamento. É o mesmo que pegar dinheiro emprestado para investir. Por isso, é fundamental que o investidor esteja ciente dos riscos da operação, tenha experiência no mercado e “jogo de cintura” para lidar com as possíveis perdas.

Dessa forma, não só a alavancagem, mas todo o processo de operação financeira, se utilizado da maneira errada, pode gerar efeitos bastante negativos.

Ficou interessado em investir no ambiente da Bolsa de Valores? Não perca tempo, procure uma assessoria de investimentos e comece a aplicar o seu capital ainda hoje!

 

Veja mais:

Como funciona a Bolsa de Valores?

Quer saber mais sobre investimentos?

Compartilhar:

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia mais

Posts Relacionados