fbpx
Índice do artigo
fechamento de mercado
Foto: Freepik

Para os investidores que estão acostumados ao ambiente da Bolsa de Valores, o fechamento de mercado é motivo de atenção. Mas, se você está começando a entender sobre o mercado financeiro e ainda não sabe o que significa esse fechamento, fique tranquilo. Neste artigo, vamos explicar todos os detalhes sobre ele.

 

O que é fechamento de mercado?

Fechamento de mercado, pelo nome, pode não gerar tantas dúvidas. Isso porque é um conceito bem intuitivo. Afinal, ele nada mais é do que o momento em que as negociações na Bolsa de Valores são encerradas. Logo, as operações de compra e venda de ativos são paralisadas.

No Brasil, o encerramento é feito de segunda à sexta-feira e pode variar entre 16 horas 55 minutos e 17 horas e 55 minutos. Essa variação é influenciada pela época do ano e pelo horário que foi estabelecido anteriormente pela bolsa. Já em relação à abertura do mercado, é sempre realizada às 10 horas de segunda à sexta.

Pregão

O pregão é um outro termo comum e relativo ao processo de abertura e fechamento do mercado. Ele é o nome usado para se referir ao funcionamento da Bolsa. Em outras palavras, é um resumo do dia, ou seja, das ofertas de lances somadas ao fechamento dos negócios de compra e venda de Ações.

Call de fechamento

Um outro momento importante, além do que já foi mencionado anteriormente, é o chamado call de fechamento. É comum que, antes da abertura oficial do pregão, aconteça uma espécie de pré-abertura da Bolsa de Valores, cerca de 15 minutos antes (9h45). Assim como, depois do fechamento do mercado, ocorre o chamado leilão ou call de fechamento.

Não existem diferenças no processo das operações durante o call e as realizadas ao longo do funcionamento do mercado. Pelo contrário, elas acontecem da mesma maneira.

Entretanto, apesar do leilão ter duração de 5 minutos, é o momento em que ocorre uma média de 5 a 10% do volume de negociações diárias dentro da bolsa. Isto é, das 16h55 até às 17h ou das 17h55 até às 18h elas acontecem.

A finalidade dessa operação está no estabelecimento do preço que servirá como ajuste dos papéis. Além disso, há uma certa transparência na determinação dos preços dos ativos definidos diariamente. E o motivo é simples, afinal, todos os investidores têm a possibilidade de observar ou até participar desse fechamento.

Regras do call de fechamento

O leilão de fechamento possui exceções com relação aos ativos participantes dele. Em outras palavras, significa que apenas as Ações das companhias presentes na carteira teórica de ativos dos índices da B3 podem fazer parte da operação, como por exemplo o Índice Bovespa.

Porém, apesar da regra, a B3 pode autorizar a entrada de alguma ação nesse processo, que fuja a exigência anterior. Todavia, é uma atividade que demanda um anúncio prévio de que o ativo será incluído ao mercado. Ele deve ser feito, no mínimo, 30 minutos antes do call de fechamento.

Além disso, as opções também são uma outra possibilidade de negociação no leilão de fechamento. Para isso, a Bolsa precisa divulgar quais serão elas, ou seja, as que podem ser incluídas e possuem uma maior liquidez.

 

Conclusão

Agora, você acabou de dar mais um passo no conhecimento sobre a Bolsa de Valores. O fechamento de mercado, como mencionamos ao longo deste artigo, é um momento importante e que demanda a atenção dos investidores.

Se o seu interesse é fazer parte, seja da B3 ou de outras modalidades, comece com a ajuda de uma assessoria de investimentos. Elas têm profissionais prontos para te auxiliar. Não perca mais tempo e inicie suas aplicações ainda hoje!

 

Veja mais:

Como funciona a Bolsa de Valores?

Quer saber mais sobre investimentos?

Compartilhar:

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Leia mais

Posts Relacionados