fbpx
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no telegram
Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Índice do artigo

magazine luiza

Foto: Reprodução / Internet

 

Fazer parte do grupo de empresas listadas na Bolsa de Valores não é um processo simples. Por trás dos pequenos códigos das ações (tickers) existem organizações que trabalham diariamente para se adequar as diversas exigências de permanecer no ambiente da B3.

Considerada a gigante do varejo, o Magazine Luiza se faz presente na bolsa desde 2011, quando finalizou o processo de Oferta Pública Inicial de Ações (IPO). Ao longo desses anos, a empresa se mostrou forte e visionária, buscando alcançar novos espaços.

Sem mais delongas, neste artigo vamos detalhar sobre o Magazine Luiza e a sua trajetória até aqui. Confira!

 

Histórico do Magazine Luiza

Fundada em 1957 por Luiza Trajano Donato e Pelegrino José Donato – a empresa Magazine Luiza é uma das maiores redes varejistas do Brasil. Ela é do ramo de tecnologia e logística com a atuação focada, em sua maioria, ao varejo.

A companhia começou a funcionar na cidade de Franca, no interior do estado de São Paulo. Alguns anos depois foi se expandindo para regiões próximas.

Em 2015, o operacional da empresa apresentava sinais de ineficiência e os resultados eram cada vez mais instáveis. Pensando em reverter esse cenário e se tornar uma companhia mais lucrativa e eficiente, foi iniciado um processo de reestruturação. O resultado foi um crescimento exponencial nos últimos anos.

De acordo com dados divulgados no release do segundo trimestre de 2020, a companhia tinha R$5,5 bilhões de receita líquida.

Atualmente, o Magazine Luiza conta com mais de 1.100 lojas espalhadas por 21 estados brasileiros. São 35 mil colaboradores e a empresa está em 5 endereços eletrônicos, além do seu aplicativo. Somado a isso, se encontra segmentada em quatro categorias de linhas de negócio. São elas:

  • Varejo – Magazine Luiza;
  • Crediário – Luizacred (em parceria com o Itaú);
  • Seguro – Luizaseg (em sociedade com a Cardif);
  • Consórcio – Consórcio Luiza.

No cargo de presidente da companhia está Luiza Helena Trajano, sobrinha de Luiza Trajano Donato, e na vice-presidência está Marcelo Silva.

Para completar a equipe de gestão, temos:

  • Roberto Bellíssimo Rodrigues – Chefe do Setor Financeiro;
  • Maria Isabel Bonfim de Oliveira – Diretora de Administração e Controle;
  • Frederico Trajano – Diretor-Executivo;
  • Fabrício Bittar Garcia – Diretor-Comercial.

 

Marcos alcançados

O Magazine Luiza foi uma das pioneiras no processo de promoções, a chamada liquidação fantástica – dia em que os produtos eram vendidos com até 70% de desconto. O objetivo do evento era diminuir os estoques de fim de ano. A primeira liquidação aconteceu em 1993 e a estratégia foi replicada por inúmeras redes de departamentos.

Mais uma vez pensando à frente das demais, no ano de 2000 a empresa inaugurou o e-commerce brasileiro com o lançamento do seu site.

O avatar virtual, conhecido como Lu, teve sua primeira aparição no ano de 2003. O objetivo é ajudar os consumidores na hora de conhecer melhor os produtos ofertados pela empresa. A Lu é uma espécie de apresentadora no canal do YouTube da empresa, que conta com mais de 2 milhões de inscritos.

No ano de 2011, realizou o seu IPO com a captação de recursos equivalentes a R$925,8 milhões. O capital foi aplicado na estrutura de logística e tecnologia da empresa.

Em 2017, alcançou uma marca superior a R$14,3 bilhões no faturamento. E como resultado, em 2018 seu valor de mercado era de R$30.8 bilhões. Além disso, neste mesmo ano, o Magazine Luiza virou Magalu.

No ano seguinte, adquiriu a Netshoes – maior comércio eletrônico esportivo do Brasil.

De acordo com o ranking divulgado em 2019 pela Sociedade Brasileira de Varejo e Consumo (SBVC), o Magazine Luiza aparecia na 5º posição de maior empresa do varejo brasileiro. Atrás do Grupo Carrefour Brasil (1º), GPA Alimentar (2º), Via Varejo (3º) e Walmart Brasil (4º). No quesito de marketplace do Brasil, a varejista fica atrás apenas do Carrefour.

Ao todo, são 508 empresas listadas na Bolsa de Valores brasileira. Dentre elas, apenas 165 possui a presença de ao menos uma mulher no conselho administrativo. O Magazine Luiza entra para o grupo das exceções, são 9 empresas com 3 mulheres fazendo parte do conselho.

 

Ações do Magazine Luiza

 

Em 5 de novembro de 2020, a MGLU3 atingiu o pico de valorização – R$27,45

 

Representada pelo ticker MGLU3, a ação é uma das mais valorizadas na B3. E mesmo com os impactos ocasionados pela crise do novo coronavírus, os ativos apresentaram uma alta em 2020, alcançando o valor de R$27,45.

 

Conclusão

Criada há mais de 60 anos, a empresa Magazine Luiza coleciona momentos marcantes e de muito sucesso. Foi um longo caminho até ser considerada uma gigante do varejo brasileiro. Após a sua entrada na Bolsa de Valores, foi possível acompanhar de forma mais transparente todo o seu processo de crescimento fruto de uma equipe de gestão competente.

Por fim, vale lembrar que antes de aplicar seus recursos em uma companhia é importante conhecer todos os detalhes sobre ela. Pesquise bastante e conheça seu histórico, sua gestão, as estratégias e todo o desempenho, desde a sua criação até os dias atuais.

Quer iniciar na B3, mas não sabe como? Procure uma assessoria de investimentos e comece a investir hoje mesmo!

 

Veja mais:

Como funciona a Bolsa de Valores?

Quer saber mais sobre investimentos?

Você pode gostar
Quanto rende R$1 milhão na poupança?
Com a taxa básica de juros a 12,75% ao ano e a inflação nas alturas, entender quanto rende R$ 1 milhão...
Conheça a empresa JHSF
Além do setor imobiliário tradicional, que a maioria conhece, existe no mercado o ramo de alta renda,...
Como a CVM pretende monitorar os influenciadores digitais de finanças
A Comissão de Valores Mobiliários (CVM) acompanha o mercado, as tendências e o comportamento dos atores...
BlackRock: as 4 tendências que podem fazer o mercado de ETFs triplicar
A indústria global de ETFs (Exchange Traded Funds) está a caminho de triplicar de tamanho. Se há vinte...
Navegue pelo site
Siga nas redes sociais
Cadastre-se na Newsletter

O portal www.aprendaainvestir.com.br é de propriedade BANKRIO FINANCIAL HOLDING LTDA (CNPJ/MF nº 33.935.936/0001-63). Apesar da empresa estar sob o controle comum, os executivos responsáveis tecnicamente são totalmente independentes, sendo que estes na função da execução de suas atividades não exercem nenhuma atividade conflitante. Desta forma, os conteúdos vinculados no site são de caráter exclusivamente informativo, não sofrendo, de qualquer aspecto, influência de decisões comerciais e de negócios de outras sociedades, sendo os mesmos produzidos de acordo com o juízo de valor e as convicções da equipe técnica. Ao preencher algum formulário, você aceita compartilhar os seus dados de contato com as empresas controladas pelo grupo.

© 2021 | Todos os direitos reservados