fbpx

O que é LCA – Letra de Crédito do Agronegócio?

Índice do artigo
Letra de Crédito do Agronegócio

A Letra de Crédito do Agronegócio, mais conhecida pela sigla LCA, é uma modalidade de investimento de Renda Fixa. Ela é emitida por instituições financeiras públicas ou privadas, com a finalidade de captar recursos para custear atividades atreladas a produção, comercialização e industrialização de produtos ou insumos agropecuários.

O processo é bem simples, o investidor empresta dinheiro para o agronegócio e recebe o retorno do seu capital acrescido de juros. O banco é o responsável por fazer a ponte entre o investidor e o setor do agronegócio. Portanto, o investidor que escolhe investir em LCA, deve procurar uma instituição financeira, como um banco, e ele será o emissor do título.

O capital aplicado pelo investidor funciona como um empréstimo que o banco repassa para as atividades agropecuárias e a partir desse investimento, o dinheiro aplicado pode chegar para ajudar com os custos de uma plantação de soja no Rio Grande do Sul, por exemplo. Ao final do prazo estabelecido no momento do investimento, o banco devolve o valor aplicado ao investidor acrescido dos juros.

É importante entender que os juros são a forma como os bancos conseguem adquirir ganhos com esses serviços de crédito. Esse é um fator que também torna a aplicação em LCA atrativa ao investidor, já que o montante investido volta para ele maior, pois é somado as taxas de juros. Logo, a vantagem é tanto para a instituição financeira emissora do título, como para o investidor.

Principais tipos de LCA

A maior preocupação dos investidores é saber mais detalhes sobre a rentabilidade de um título. E para isso, é importante conhecer cada modalidade presente dentro de um investimento. A Letra de Crédito do Agronegócio, assim como as outras aplicações da Renda Fixa, possui três tipos de rendimento. São eles:

  • LCA Prefixada – A Letra de Crédito do Agronegócio prefixada é caracterizada por permitir que o investidor calcule qual será a sua remuneração na data do vencimento do título. Isso acontece porque a taxa de juros é informada na hora da aplicação. Os rendimentos pré-determinados ao ano podem ser de 5%, 7%, 10%, etc.
  • LCA Pós-Fixada – Nessa modalidade da LCA, o investidor tem a informação de qual será o indicador de referência para calcular a rentabilidade do papel desde o momento do investimento. Entretanto não existe a certeza de qual será o retorno da aplicação, porque o valor pode apresentar variação de acordo com o índice. Vale lembrar que o indicador utilizado para a LCA é o CDI (Certificado de Depósito Interbancário) – principal índice de referência da Renda Fixa. Os rendimentos da LCA ao ano podem ser de 100% do CDI, 110% do CDI, 122% do CDI, etc.

Da mesma forma como acontece na LCI pós-fixada, nesse modelo de Letra de Crédito do Agronegócio é possível estabelecer uma relação diretamente proporcional entre o CDI e o rendimento da LCA. Isto é, quanto maior o CDI, maior o rendimento da LCA e quanto menor o CDI, menor a remuneração da LCA.

  • LCA Híbrida – Nesse modelo de LCA, como o nome já sugere, a taxa de rentabilidade é composta por uma mistura entre a prefixada e a pós-fixada. Ou seja, ela corrige um índice e ainda adiciona um rendimento fixo. Os rendimentos ao ano podem ser, por exemplo, CDI + 2%, IPCA + 5%, IGP-M (Índice Geral de Preços de Mercado) + 4%, etc.

Portanto, o investidor possui uma parte do rendimento da LCA pós-fixada, que varia de acordo com o indexador do título – IGP-M, CDI, IPCA. Mas, além disso, existe um acréscimo do rendimento prefixado – 2%, 4%, 5%.

Garantia da LCA

A Letra de Crédito do Agronegócio possui a proteção do Fundo Garantidor de Crédito (FGC), isto é, em casos de falência ou fechamento de uma instituição financeira credenciada a ela, esse fundo pode recuperar até R$250 mil em depósitos ou créditos. Essa garantia representa uma segurança nas aplicações dos investidores em casos extremos.

Quais são os impostos?

Assim como a Letra de Crédito Imobiliário, a LCA também se diferencia das demais modalidades de investimentos da Renda Fixa, pois não possui a tributação do Imposto de Renda (IR) e do Imposto sobre Operações Financeiras (IOF). Dessa forma, os investidores veem nas Letras de Crédito do Agronegócio uma opção vantajosa de investimento.

O motivo dessa isenção é porque o agronegócio é o setor que representa uma importância expressiva na saúde da economia brasileira. Logo, o capital arrecadado com as LCAs, como citamos anteriormente, é destinado ao setor fundamental para a movimentação da estrutura econômica do país. Por isso, o governo não recolhe tributos para que possa fomentar a modalidade de aplicação em títulos e, automaticamente, no setor.

Como investir?

Agora que você está munido de informações sobre o que é e como funciona a aplicação em Letras de Crédito do Agronegócio, pode estar se perguntando: como eu faço para começar a investir o meu capital nessa modalidade? Para isso, separamos os quatro passos que devem ser seguidos para investir em LCA. Confira!

  1. A primeira coisa que deve ser feita é a abertura de conta em uma instituição financeira. Mas é importante que ela apresente condições de investimento em LCA do seu interesse. Por isso, analise e compare com outras instituições e escolha a que tenha uma variedade de títulos em Renda Fixa considerável. Assim, você consegue optar por uma letra de crédito que esteja de acordo com o seu perfil e objetivo como investidor;
  2. O próximo passo é transferir os recursos que serão aplicados para a instituição financeira escolhida;
  3. Feita a transferência, é o momento de aplicar o capital em uma LCA. Depois de pesquisar a Letra de Crédito do Agronegócio mais indicada para as suas características de investidor, coloque seu dinheiro para render;
  4. Nesse momento você já é um investidor de Letra de Crédito do Agronegócio e o último passo é esperar pelo vencimento do título, para receber o seu capital acrescido dos juros da operação.

Clique aqui para ler mais sobre investimento de Renda Fixa!

Quer saber mais sobre investimentos?

Compartilhar:

Share on whatsapp
WhatsApp
Share on telegram
Telegram
Share on facebook
Facebook
Share on linkedin
LinkedIn
Share on twitter
Twitter

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *